sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Recado a alguém especial...



Oi meus queridos,

Acredito de coração que o amor é a maior força da vida. Acredito que ele, o amor, pode transformar tudo: o feio em belo, o rude em afável, o covarde em herói, o fútil em dedicado...
Acredito que pelo amor alcançamos graças inenarráveis, atingimos metas jamais pensadas, superamos barreiras indescritíveis, descobrimos o mistério de existir...
O amor, em todas as suas formas, eleva, dignifica, fortalece, embeleza...
Pelo amor nos tornamos sábios, mansos, sonhadores e solidários.
O amor, esse dom divino, mais do que graça é a prova da existência do Pai.
O amor perdoa, compreende, aceita, acolhe, recolhe, alimenta o corpo e a alma, o amor acalma, acalenta, engrandece e orienta, o amor nos faz melhores!
Abençoado o filho que tem o amor dos pais, e eles, por amar e ensinar aos filhos...
Benditos os que se doam por amor aos semelhantes, socorrendo, tratando, ouvindo, curando, e até mesmo devolvendo ao pó, quando necessário.
Que digam glória, aqueles que encontraram sua metade, seu parceiro, e com ele, projetam no amor seu futuro de alegria e esperança!
É muito triste quando um amor fenece. Quando, como flores não cuidadas, murcha, desfalece, perde o dom de embelezar e embevecer.
É muito duro, quando por imaturidade, arrogância, descaso, descuido ou incompetência, deixamos morrer um amor que nos dava alento, alegria e vontade de viver.
O vazio que fica, o amargo na boca, a dor funda no peito...
O que consola é saber que vai passar, que outro amor virá, e graças a Deus, o coração vai se abrir, se enfeitar de esperança, se iluminar e encher de poesia... e aí, volta o sorriso, a fé, a vontade de dar bom dia aos passantes, de rir de qualquer besteira, e agradecer ao Criador nossa memória curta e a eterna disposição para ser feliz!
Você sabe que é para você que estou escrevendo.
Então, não desespere: Vai passar!
Até lá, chore, se quiser chorar, xingue se quiser xingar, grite, esperneie, não abra a janela... Faça tudo o que lhe é de direito pra curtir a sua dor...
Então, daqui pra acolá, você vai ver, os olhos secam, as feridas cicatrizam, o sorriso volta e o mundo, que te esperava ansioso, abre seus braços fraternos e te recebe!
Viver é melhor que sonhar, e como dizia Gonzaguinha: A vida é bonita, é bonita ah! é bonita.

Mil beijos,
Tania Pinheiro.

3 comentários:

Carla Ceres disse...

Bom ver você aconselhando e apoiando outras pessoas, Tania. Bom fim de semana! Beijos!

Célia Rangel disse...

Continuo com Gonzaguinha: "viver e não ter a vergonha de ser feliz"... e na discografia prossigo com a Beth Carvalho: "...levanta, sacode a poeira e dá volta por cima..." Tutano, você tem pra dar e vender, Tania, "simbora"!
Bj. Célia.

joana disse...

Va em frente Tania, você tem uma força muito grande, seu blog é maravilhoso, cheio de esperanças, tem muita gente presisando de você querida. Bjs. Joana.