quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Obrigada à vida por tudo o que me deu!


Oi meus queridos,

Mais um ano terminou levando com ele nossas vitórias e derrotas, nossas perdas e ganhos, nossos sonhos todos, os realizados e os não, nossas angústias, medos, mazelas, nossa gratidão a Deus, a família (no meu caso, em especial, a Tatá), aos amigos conquistados, enfim, 365 dias de respiração, inspiração, dores e felicidades, fé, esperança, e a certeza de que o Pai continuará no comando!
Em 2013 vivi momentos diversos: de solidão, de incertezas, de medo (sempre na expectativa de uma metástase!), de rabugice (ninguém chega aos 61 anos impunimente!), de nostalgia e saudades, mas acima de tudo, de agradecimento a Deus e a Tatá, por eu ainda estar aqui, enchendo o saco de uns, levando esperança a outros...
Não farei planos para 2014, sei lá (aliás, como todo mundo) se ainda estarei por aqui. Às vezes, rogo a Deus que não. Nos últimos tempos, têm ocorrido tantas barbaridades, tanta destruição, o homem cada vez mais mostrando seu egoísmo, sua ganância e vilania, matando, mentindo, roubando o pão da boca dos famintos, degradando a natureza e a pureza dos poucos que ainda mante-se puros... Acho que não faço muita questão de participar de tudo isso!
Em contrapartida, a ciência tem evoluído, cada dia mais jovens procuram a verdade, a luz, a força do todo poderoso, cada dia mais jovens se rebelam e saem as ruas gritando e protestando contra as atrocidades cometidas contra a vida, a natureza, os animais, enfim, tentando alertar o $egos, que precisamos rever nossos valores!
Ah! os jovens, benditos sejam, pois é deles o futuro! Só imploro ao Criador que ilumine a cabeça e o coração dos que não conhecem a força da paz, da solidariedade, do respeito, da gratidão, do amor ao próximo, da sua importância na manutenção de um planeta mais digno, justo, autossustentável... O paraíso que nos foi gratuitamente ofertado e que imbecilmente destruímos em nome da honra, da soberania, do poder e, pasmem, até da religião! Os “loucos” lutam guerras santas!!!
Desejo do mais fundo do coração que tudo isso seja revisto, repensado, pesado, e que finalmente a humanidade volte a ser HUMANA!
Para vocês, que tem estado comigo nesses últimos quase três anos, lendo minhas reflexões, protestos, piadas irônicas, declarações de amizade, gratidão e amor, quero AGRADECER, foi de extrema importância saber que vocês estavam aí, e que eu, em algum momento, promovi uma risada, um sorriso, uma lágrima, a vontade de falar a alguém sobre si e seus sentimentos... De minha parte, dei o melhor que o meu amor é capaz, procurei ser amiga e solidária, dividir irmãmente tristezas e alegrias! Vocês foram TUDO! Deus lhes pague e lhes realize cada sonho em 2014. Saúde, amor e paz, que do resto se corre atrás!
Um OBRIGADA muito especial a minha filha de quem tanto me orgulho, por seu caráter, sua força, determinação e humanismo. Ela se desdobrou em nem sei lá quantas!?! Foi filha, foi mãe, foi amiga, protetora, rabugenta, implicante, autoritária, solidária, anjo de luz, presente de Deus!
Que em 2014, minha amada, você realmente encontre o seu caminho, reconheça e abrace a felicidade, valorize de verdade o que VOCÊ é, ria muito, ame muito, estude, trabalhe, ganhe o necessário para TER o que te der alegria e realização ao seu SER!
Para todos os meus, filho, irmãos e irmãs, parentes e aderentes, amigos, médicos e todo o pessoal do ICESP, que lutou para que a vida ficasse comigo. Enfim, para cada pessoa que destinou um minuto do seu tempo para que eu me sentisse querida, desejo TUDO DE MAIS DO QUE MELHOR! 2014 se depender das minhas orações HÁ DE SER O NOSSO ANO!

Mil beijos,
Tania Pinheiro.


Um comentário:

Célia Rangel disse...

Como já expressei... em e-mail que lhe enviei... engatemos o 2014 com direito a "brasuca" e "eleições"... Os projetos com garra e fé serão desenvolvidos a contento! Tudo de bom, Tania e Tainá!
Abraço.